Solidariedade S/A

o Grupo Globo e o que virá depois da pandemia

Palavras-chave: Novo coronavírus; Rede Globo; Solidariedade; Pandemia.

Resumo

Desde o início da pandemia do novo coronavírus, o Grupo Globo, como principal e maior empresa de comunicação do país, organiza-se na oposição ao governo de Jair Bolsonaro, apontando-o como principal responsável pela crise sanitária ocasionada pelo Sars-Cov-2. Ao mesmo tempo, lançou a campanha Solidariedade S/A, a partir da qual divulga empresas que, através de investimentos em doações, contribuem no combate à pandemia. O artigo parte da hipótese de que, criada para ser o principal veículo ideológico das modernizações capitalistas no Brasil após a Ditadura Militar, a Rede Globo vem incidindo ideologicamente no debate público, no sentido de neutralizar possíveis crises sociais, indicando o mercado como legítimo reparador das contradições causadas pela pandemia do novo coronavírus. A partir de uma análise de conteúdo de sete matérias jornalísticas, publicadas entre março e setembro de 2020, escolhidas a partir do site g1.com, o presente artigo pretende identificar tendências, estabelecidas por essa empresa de comunicação, à reorganização da sociedade brasileira para o período pós-pandemia. As matérias analisadas apresentam ideias como a união de toda a população (a despeito das classes sociais) em torno de um objetivo comum, superar a pandemia. Em adendo à ideia de união abstrata, o Grupo Globo vocaliza a concepção, apresentada pelas empresas, de que o Estado não resolverá a crise, daí a importância da iniciativa dos empresários. E o que, em compasso com a sua própria história, a maior empresa de comunicação do Brasil oferece é a continuidade do regime de acumulação capitalista. 

Biografia do Autor

Germano Molardi, Universidade Federal do Rio Grande do Sul - UFRGS

Mestrando no Programa de Pós-Graduação em Sociologia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS).

Letícia Padoin, Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul - PUC-RS

Mestranda no Programa de Pós-Graduação em Serviço Social da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC-RS).

Publicado
2021-01-16
Como Citar
Molardi, G., & de Mello Padoin, L. (2021). Solidariedade S/A: o Grupo Globo e o que virá depois da pandemia. Princípios, 1(160), 296 - 317. https://doi.org/10.4322/principios.2675-6609.2020.160.013